RAÇA DE VÍBORAS! Quem?



O que falta na vida de muitos líderes nos ministérios das igrejas? 


Aproveito para perguntar: E no governo do Brasil?

Será que falta eliminar o jeitinho de agradar... agradar... e sempre... querer... agradar a todos, ou falta a necessidade de agradar em primeiro lugar a Deus?

Está em falta os homens com o mesmo ímpeto de João Batista, e validado com a certeza em alertar, de fato, conforme está escrito em Mateus 03:07: 

“E, vendo ele muitos dos fariseus e dos saduceus, que vinham ao seu batismo, dizia-lhes: Raça de víboras, quem vos ensinou a fugir da ira futura?”

Qual é o estilo do “comportamento” correto no púlpito diante “das gentes”? Estão acomodados e sem movimentar-se no assento da igreja? Não sentem que estão caminhando sem direção? Estão sentindo o conforto de uma palavra filosófica, recheada de conhecimentos psicoterapeuticos com superficialidade e engananos ao povo com a tipologia da prosperidade?

Está faltando homens com o mesmo ímpeto de João Batista, e com a certeza de alertar, conforme está escrito em Mateus 12:34:

"Raça de víboras, como podeis vós “dizer boas coisas, sendo maus”? Pois do que há em “abundância no coração, disso fala a boca.”

A grande quantidade de enganadores, também, dentro da blogosfera, deve ter um encontro real em encontrar de verdade quem luta pela VERDADE.

É necessário encontrar os que desejam, retirar o seu paletó e sem vergonha “das gentes”, devem submeter-se a “comer gafanhotos e mel silvestre” e ir de encontro aos filhos do mal que atuam, desgraçadamente para a satisfação de muitos que correm, sorrindo para a porta larga e se desviam da Porta Estreita.

Estar atento é uma necessidade de quem deseja agradar a Deus. É tempo de parar e escolher a quem servir.

Impossível não observar, os comentários maldosos dos filhos do anônimo, filhos da máscara, filhos da fantasia, filhos do mal, filhos da mentira, filhos da maldade, e continuar aplaudindo a estes que se dispõem a envergonhar o evangelho com a sua frivolidade.

Está faltando homens com o mesmo ímpeto de João Batista, e com a certeza em alertar na medida do que está escrito em Mateus 23:33:

"Serpentes, raça de víboras! como escapareis da condenação do inferno?"

Importante comer mais gafanhotos e mel silvestre do que aceitar o que passa na blogosfera de boca fechada.

É tempo de estarmos inconformados com os que se conformam, entender e atender, o que significa a ordem em: Romanos 12:02:

"E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus."

Cuidado. Examinai os blogs. Os blogs devem ser examinados!

Existem alguns que são para a vergonha da igreja. E alegria dos filhos do mal!

Pensei em parar de escrever na blogosfera! Acreditei não ser tão útil, atuar na internet com os meus textos! Afinal, encontramos tanta mesquinharia e FILHOS DO MAL FANTASIADOS DE A.N.Ô.N.I.M.O.S. que amarguram a vida dos que desejam encontrar saúde espiritual.

Pensei mais uma vez e cheguei a conclusão que seria pura COVARDIA, calar a minha boca e deixar, sanguessugas espirituais, estarem à vontade, sem um GRITO DE ALERTA. Não! Continuo e doa a quem doer!

Quem desejar se acovardar que se acovarde. Eu estarei comendo gafanhotos e mel silvestre de BOCA BEM ABERTA como um simples atalaia e um CINTO DE COURO nos meus lombos.

A escolha pertence a cada um! Não há mais tempo! Eu já escolhi. Eu vou ATALAIAR!

Vigiar e orar!

O menor de todos os menores. Um Tradicional Pentecostal.

Comentários